Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Soledade, segunda-feira, 16 de maio de 2022 Telefone 0800 649 6549 | (54) 3381-9000

Atendimento Atendimento: Seg à sex - 8:00 às 11:30 e 13:00 às 17:30.

Segu
16/05
Parcialmente Nublado
Máx 11 °C
Min 3 °C
Índice UV
5.0
Terç
17/05
Parcialmente Nublado
Máx 10 °C
Min 4 °C
Índice UV
5.0
Quar
18/05
Chuvas Isoladas
Máx 11 °C
Min 5 °C
Índice UV
5.0
Quin
19/05
Parcialmente Nublado
Máx 12 °C
Min 7 °C
Índice UV
5.0

Educação - Terça-feira, 11 de Maio de 2021

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

PREFEITA E CONVIDADOS DISCUTEM SOBRE RECOLHIMENTO DE ENTULHO

PREFEITA E CONVIDADOS DISCUTEM SOBRE RECOLHIMENTO DE ENTULHO


PREFEITA E CONVIDADOS DISCUTEM SOBRE RECOLHIMENTO DE ENTULHO

Na noite desta quinta-feira, 15/04, através de Live no Facebook, a questão da Coleta de Entulho no município, dando ênfase na preservação do meio ambiente, foi tema de um diálogo da prefeita de Soledade, Marilda Borges Corbelini, e convidados. Representante Luciano Chiarelli, presidente da ONG Sopro da Vida, e Edelvi Graff Vieira, o Tenente Graff, representando também a organização; também participaram desta importante discussão, Luana Amarante Scherer, diretora do Departamento de Meio Ambiente, e Rosane Gradaschi, professora estadual e defensora de programas relacionados ao meio ambiente. Luciano Chiarelli apontou que todas as iniciativas da Organização são pensando no bem da coletividade, e principalmente em parceria com o Executivo Municipal, pois o mesmo sozinho não consegue abarcar todas as demandas que envolvem o meio ambiente e suas fragilidades, segundo ele, a comunidade deveria abraçar as demandas e cada um fazer a sua parte. O presidente da ONG citou as possíveis entidades e órgãos que poderiam em um projeto colaborar com a solução de pequenos problemas como lixeiras, limpeza de espaços públicos e privados, plantio de árvores, etc. O também membro da ONG Sopro da Vida, Edelvi Graff Vieira, aponta que a entidade existe há mais de 20 anos e busca envolver as pessoas nas questões de meio ambiente, mas que infelizmente se tornam notícia e preocupação quando são problemas, e não soluções, principalmente na questão do entulho, que prejudica a visão, prejudica o trânsito, que possibilita a que sejam abrigos de tráfico de drogas, e esconderijo de entorpecentes. A diretora do Departamento de Meio Ambiente, Luana Amarante Scherer, apontou algumas ações e projetos desenvolvidos pelo Departamento, principalmente quanto ao recolhimento de entulho e lixo doméstico, tanto na cidade, como no interior. Segundo ela, há uma fiscalização constante, havendo notificações para adequações, entretanto ela aponta que apesar das multas ainda é um problema muito constante, principalmente em terrenos. Rosane Gradaschi, relatou que a sociedade atual, uma sociedade de consumo, produz muito lixo, cerca de 800 gramas a 1 quilo de lixo por dia. “Educação, conscientização e atitude, são as três palavras principais para educação ambiental, precisamos ter a consciência do descarte correto, e da redução da produção de material”. Segundo a prefeita de Soledade, Marilda Borges Corbelini, “Precisamos do engajamento de toda a comunidade, para que os trabalhos realizados pelo Executivo sejam de maior duração e preservação. Estamos realizando esta live, pois infelizmente não podemos fazer uma Audiência Pública, mas queremos que a comunidade saiba de suas fragilidades e juntos consigamos solucioná-las para uma melhor qualidade de vida”. Na questão do entulho, cada convidado apontou sua opinião e possíveis soluções para questão do entulho. De acordo com a prefeita de Soledade, Marilda Borges Corbelini, a médio prazo se tem o desejo de solucionar a maioria dos problemas relacionados ao meio ambiente, e uma das primeiras preocupações é relacionada ao entulho, que por anos se tem problemas e reclamações da população. “Estamos pensando na terceirização do recolhimento de entulho, para um teste experimental, para que em cada bairro, seja recolhido o entulho pelo menos uma vez a cada mês, além disso, termos pontos de coleta para recolhimento, ecopontos. Estamos amadurecendo esta ideia, mas precisamos do apoio da comunidade para que estas sejam bem sucedidas”.

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Covid-19

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

Nenhuma unidade fiscal cadastrada no momento!

Versão do sistema: 2.0.0 - 12/05/2022

Portal atualizado em: 16/05/2022 15:22:31

Prefeitura Municipal de Soledade - RS.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.